news subheader Notícias

LANÇADA PEDRA FUNDAMENTAL DO CENTRO DE GESTÃO AMBIENTAL

 

Construção do CGA está prevista para este ano e vai reunir em um único espaço órgãos ambientais do município, Estado e União 

Na última quarta-feira, 9, foi realizado o lançamento da pedra fundamental do Centro de Gestão Ambiental (CGA), na rua Juruna, no Parque dos Carajás I. A obra é mais uma compensação dos impactos gerados pela implantação do Ramal Ferroviário S11D.

Devido ao processo de licenciamento ambiental, ficou estabelecida no plano básico ambiental a criação de programas de fortalecimento institucional, de mobilidade e inserção urbana do município de Parauapebas, entre os quais a implantação do CGA, cuja construção está prevista para este ano.

“Para nós, essas contrapartidas são muito importantes e efetivamente a criação do centro dará mais um passo no desenvolvimento da gestão municipal. São contrapartidas que foram combinadas e estão acontecendo”, apontou Plínio Tocchetto, gerente executivo de projetos da Vale.

Técnicos da Prefeitura de Parauapebas e da mineradora Vale formaram um grupo de trabalho, que teve a missão de analisar de forma minuciosa a proposta de implantação do CGA. O centro foi pensado para abrigar vários órgãos ligados ao meio ambiente, como a Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), Conselho Municipal de Meio Ambiente, Delegacia do Meio Ambiente e um posto avançado da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

“A ideia é garantir que município, Estado e união estejam juntos em um único espaço. E claro que vamos trabalhar para tornar isso realidade já que a instalação de demais órgãos depende dos mesmos. Mas, estamos trabalhando incansavelmente para melhorar a vida do cidadão para que ele não precise ir a Marabá ou Belém para ter acesso aos serviços ligados ao meio ambiente”, declarou Dion Leno, titular da Semma.

O prédio do CGA terá 1,1 mil metros quadrados, com capacidade de ampliação vertical e uma estrutura sustentável com reaproveitamento de água e energia fotovoltaica para iluminação de fora, por exemplo.

“O CGA será deverá concentrar as principais ações em torno do meio ambiente de onde sairão iniciativas que vão tornar nosso município mais sustentável. Esperamos que as pessoas conheçam seus direitos e seus deveres com responsabilidade com o meio ambiente, pois temos que encarar essa questão com muita responsabilidade”, conclamou o prefeito Darci Lermen.

Texto: Anne Costa
Fotos: Bruno Cecim
Assessoria de Comunicação - Ascom | PMP

 

Lido 189 vezes
Avalie este item
(0 votos)

ouvidoria 5

ctic

ATENÇÃO: Para uma melhor navegação utilizar google Chrome! Google Chrome logo

JoomShaper