news subheader Notícias

PREFEITURA ENCERRA DEBATES SOBRE PPA, AMANHÃ, NA ALDEIA XICRIN

 

Em pouco mais de um mês, foram realizadas 22 audiências públicas em Parauapebas para a construção do plano de governo até 2021

A Prefeitura de Parauapebas realizará amanhã, 14, a última audiência pública para debater o Plano Plurianual (PPA) de Governo, para o quadriênio 2018/2021. Será na aldeia Xicrins Cateté, quando a população indígena da reserva irá se manifestar sobre as necessidades locais. O prefeito Darci Lermen participará da plenária ao lado de secretários municipais e coordenadores.

Programadas e coordenadas pela Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan), as plenárias percorreram 19 bairros de Parauapebas desde o dia 3 de junho passado, com início no Tropical, seguido por Palmares II, Habitar Feliz, Altamira, Guanabara, Palmares Sul, Novo Brasil, Liberdade, Cidade Jardim, Da Paz, Vila Paulo Fonteles, Minérios, VS-10, Nova Carajás, Vila Sansão, Cidade Nova, Nova Vida II, Cedere I e Rio Verde. Foram realizadas ainda audiências específicas com sindicatos e empresários.

O trabalho foi intenso e bastante produtivo, na avaliação do secretário de Planejamento, João Corrêa. “Foi superpositivo e muito além de nossa expectativa inicial, com participação de mais de duas mil pessoas com debates importantes sobre a realidade local e propostas concretas da população a fim de resolver suas diversas demandas”, diz ele.

A prefeitura compreende que a participação popular, com variados segmentos sociais envolvidos no debate, contribui na construção e no monitoramento dos programas governamentais, e é a garantia de que os recursos públicos serão investidos de acordo com o interesse da população. O PPA é que serve de base para a elaboração anual da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LOA) e do Orçamento municipal, encaminhados à Câmara de Vereadores, para aprovação.

Durante as audiências, diz João Corrêa, foram observados dois conjuntos bem definidos de demandas. Nos bairros mais consolidados e antigos, as propostas giraram em torno de três assuntos: melhoria da qualidade dos serviços de saúde e educação, conserto de buracos no asfalto e iluminação publica.

Já nos bairros mais recentes e áreas de ocupação, as reivindicações giraram em torno da infraestrutura. Os moradores pediram regularização fundiária, asfaltamento e calçamento das ruas, abastecimento de água e iluminação. Mas, sem nenhuma dúvida, a grande preocupação da população está concentrada em duas demandas, apresentadas em todos os bairros percorridos: emprego e segurança pública.

Na reunião com empresários, representantes de consultoria insistiram sobre a dificuldade em contratar mão de obra qualificada em Parauapebas e propuseram mais investimentos na área bem como em saneamento básico, criação de espaço para feiras de vendas de produtos e acesso a créditos. Da mesma forma, manifestaram preocupação por mais emprego na cidade.

A partir das propostas, a Seplan irá sistematizar todos os dados e partir para a elaboração do PPA, que precisa ser enviado à Câmara até 31 de agosto deste ano, para ser aprovado até o final de setembro. A elaboração do plano terá a participação de representantes dos bairros, indicados pela própria população em cada audiência pública realizada, para fazer parte do Coletivo Municipal de Planejamento.


Texto: Hanny Amoras
Fotos: Piedade Ferreira e Bruno Cecim
Assessoria de Comunicação - Ascom | PMP

Lido 233 vezes
Avalie este item
(2 votos)

ouvidoria 5

ctic

ATENÇÃO: Para uma melhor navegação utilizar google Chrome! Google Chrome logo

JoomShaper