Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

MERENDEIRA DE PARAUAPEBAS VAI PARTICIPAR DE REALITY NACIONAL

  • Publicado: Sábado, 09 de Junho de 2018, 01h11
  • Acessos: 573
imagem sem descrição.

 

Em breve, o Brasil vai assistir à merendeira Maria Arlete da Silva, de 42 anos, fazendo o que ela mais gosta: cozinhar. A profissional, lotada na Escola Municipal de Educação Infantil Leide Maria Torres, em Parauapebas, foi selecionada para participar do reality show “Super Merendeiras”, promovido pelo Ministério da Educação (MEC), por meio do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), juntamente com a TV Escola. 

Maria Arlete e outras nove merendeiras de todas as regiões do País vão ficar confinadas durante algumas semanas no Rio de Janeiro para disputar o título de melhor merendeira do Brasil. Maria Arlete foi a vencedora na região Norte da primeira edição do “Concurso Melhores Receitas da Alimentação Escolar”, realizado em 2016. Ela elaborou a elogiadíssima receita arroz de cuxá com charque, que caiu no gosto dos jurados e dos estudantes do município.

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) está dando apoio incondicional à profissional e comemora a repercussão de seus dotes culinários, mesmo dois anos após a competição que a consagrou. “Em razão das sementes que plantamos na educação ainda na década passada, hoje acompanhamos os diversos talentos emergindo em nossa rede”, comemora o titular da Semed, Raimundo Neto. 

“Em pouco mais de uma década, temos visto alunos premiados em competições esportivas e intelectuais; professores reconhecidos por meio de prêmios Gestor Nota 10; e, agora, nossa merendeira, que é o grande orgulho da nossa arte de servir em um serviço essencial e, ao mesmo tempo, tão nobre, que é a educação”, destaca o gestor.

TEMPERO DA DIFERENÇA 

Para Sineidy Neres, representante do FNDE, o histórico da boa gestão na educação municipal foi, sem dúvida, o tempero para o sucesso da merendeira. “Ela não desenvolveria um bom trabalho não fosse um conjunto de fatores operacionais por trás, desde o primor pela educação alimentar e nutricional até um gestor que investisse nisso e reconhecesse que a merenda é capaz de fazer a diferença no ambiente escolar”, explica.

Por sua vez, Maria Arlete diz estar ansiosa e garante estar pronta para encarar o desafio com muita garra e motivação. “Ter participado do concurso anteriormente e ter sido reconhecida é muito gratificante para mim. Representarei com orgulho minha Parauapebas e, mais uma vez, vou me esforçar para trazer o prêmio”.

E qual a receita dela para ter chegado tão longe, em meio a um Brasil de saborosos cardápios e em um Pará de gastronomia mundialmente famosa? Uma pitada de muito amor à profissão. “Sou apaixonada pelo que faço”, afirma, emocionada. “Sempre gostei de cozinhar e, ainda na infância, eu inventava fazer piquenique e preparar as comidinhas. Meu sonho era trabalhar com criança”, lembra.

SOBRE O REALITY SHOW

A produção a ser exibida pela TV Escola objetiva promover a alimentação saudável e a valorização dos profissionais responsáveis por preparar as refeições de milhões de estudantes em todo o Brasil. O programa deve ir ao ar no segundo semestre deste ano.

O reality terá a participação de dez merendeiras, duas de cada região do País, das edições de 2016 e 2017 do “Concurso Melhores Receitas da Alimentação Escolar”. Serão 13 episódios de 26 minutos cada, com provas e testes de habilidades. Ao final, será eleita a melhor merendeira do País.

Esta semana, uma equipe do FNDE e da TV Escola esteve por três dias em Parauapebas para gravar o dia a dia de Maria Arlete, tanto em ambiente familiar quanto na escola. As imagens emocionantes serão exibidas nos primeiros episódios do programa.

Texto: Messania Cardoso | Semed
Fotos: Messania Cardoso e Bruno Cecim
Assessoria de Comunicação - Ascom | PMP

  • IMG_0198
  • IMG_0240
  • _DSC1207
  • _DSC1214
  • _DSC1259
  • _MG_0032
  • _MG_0037
  • _MG_0093
  • _MG_0124
  • _MG_0164
  • _MG_0254
  • _MG_0275
  • _MG_0280
  • _MG_0320
  • _MG_9947

Galeria de Imagens

registrado em:
Fim do conteúdo da página